O que é o Coaching e o que o distingue de outras profissões?

Cansada de ouvir falar de Coaching mas não sabes em que consiste? Sentes necessidade de algum tipo de apoio mas não sabes qual a diferença entre o trabalho de um Coach e o trabalho de outros profissionais de áreas próximas?

No final deste artigo, saberás claramente o que é o Coaching, que tipo de apoio poderás receber de um Coach e se esse apoio vai ao encontro daquilo que procuras neste momento.

 

Onde e quando surgiu o Coaching?

Não se sabe com exatidão onde e quando surgiu o Coaching. Porém, no decorrer do tempo, vários autores foram associados a esta temática.

O filósofo grego Sócrates ficou conhecido pela sua habilidade em ajudar os seus interlocutores a “parirem” as suas verdades a partir de questões que lhes colocava. A maiêutica – ou método socrático – é a arte do questionamento que permite encontrar a sua própria verdade e as suas próprias respostas.

Nos anos 1950-1980, os treinadores desportivos (Coachs), descobrem que o mental tanto pode ser um potente instrumento ou um imponente obstáculo para os desportistas. Os Coachs começam a utilizar a visualização e outras técnicas mentais a fim de melhorar a performance dos desportistas e os seus resultados.

Entre 1980 e 1990, o Coaching passa progressivamente para a área dos negócios onde a concorrência é tanto ou mais imponente quanto no domínio desportivo.

John Withmore é um dos precursores do Coaching de negócios na Europa. Ele afirma que conhecer o Coaching é essencial para todos os quadros empresariais já que é o meio mais eficaz para melhorar as performances profissionais individuais e coletivas.

Em 1992, Thomas J. Leonard cria o Coach U, uma das mais importantes escolas de Coaching dos Estados Unidos da América e forma um grande número de Coachs por todo o mundo. Ele participa na fundação do International Coach Federation (ICF) em 1994.

 

Mas afinal, o que é o Coaching?

Segundo a International Coaching Federation Portugal, o Coaching consiste em constituir uma parceria com clientes num processo estimulante e criativo que os inspira a maximizar o seu potencial pessoal e profissional. Define-se como uma relação que permite ao cliente obter resultados significativos na sua vida, na sua carreira, nos seus projetos ou na sua organização (definição da International Coaching Federation – ICF).

O Coaching visa ajudar uma pessoa ou um grupo a conseguir da melhor forma as mudanças que lhe são pedidas (definição da Société Romande de Coaching).

O Coaching é uma profissão reconhecida?

O Coaching é uma profissão muito jovem com um código de ética e regras próprias que se têm vindo a afirmar. No entanto, o Coaching é ainda uma profissão auto-regulada.

Por essa mesma razão, numerosas associações de profissionais têm sido criados a nível regional, nacional e internacional com o intuito de “promover o desenvolvimento profissional, aumentar a credibilidade da profissão e proteger os clientes e o público em geral de vivências menos felizes e da ausência de ética e competência” (palavras de Maggie João, Presidente ICF Portugal, para a Pontos de Vista).

A entidade reguladora do Coaching em Portugal é a International Coaching Federation Portugal.

O que distingue o Coaching de outras profissões que lhe são próximas?

O que distingue o Coaching de outros profissões é que a sua intervenção utiliza e desenvolve as forças do cliente. Colocar questões potentes é uma arte que se adquire com prática. É aliás bem mais fácil “entupir” o cliente de conselhos do que encontrar as questões que vão colocar em valor a sua sabedoria, o seu know-how e o seu saber-ser.

 

O Coaching é portanto uma profissão própria e em plena expansão que visa apoiar o indivíduo ou grupos de indivíduos a exprimirem toda a sua potência nas diversas áreas da sua vida.

Sentes que o Coaching pode apoiar-te na tua busca atual? Responde a estas minhas questões e entrarei em contacto contigo para conversarmos sobre como te posso apoiar a viveres uma vida coerente com quem Verdadeiramente és.

Até já,
Sofia

Referências:

  • BERNHARDT, O.; COLNOT, F.; VITRY, F. (2011) Comprendre et Pratiquer le Coaching Personne. Paris: InterEditions.
  • MAGGIE, João. (2016). Coaching – ICF Portugal. (Em linha). Disponível em http://pontosdevista.pt/2016/05/23/coaching-icf-portugal/ (consultado em 24.07.2018).
  • TREILLE, Laurence (2014) Formation en Coaching PNL Coach. Genève. Institut International de PNL et Coaching.
Mostrar 4 comentários
  • Cláudia Pintado
    Responder

    Uau, assunto muito bom e está aqui muito bem explicado!
    Obrigado 🙂

    • Sofia de Assunção
      Responder

      Fico feliz por perceber que a informação está clara. Sei que existe muita confusão e desconhecimento da profissão de Coach 🙂 Um beijinho e obrigada pela tua visita

  • Manuel Manero
    Responder

    Muito bom !
    Continua o excelente trabalho 🙂

    • Sofia de Assunção
      Responder

      Obrigada Manuel pelo comentário e também por puxares por mim e me apoiares neste caminho de evolução profissional. Um beijinho

Deixe um Comentário